Projeto do Professor Júnior Geo delimita horários para aplicação do TAF em concursos públicos

O deputado estadual Professor Júnior Geo (Podemos) apresentou, na manhã desta quarta-feira, 9, na Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins (Aleto), um Projeto de Lei (PL) que dispõe sobre a proibição da realização de provas físicas em concursos públicos nos horários de elevado calor no Tocantins, entre 10h e 15h.

Conforme o deputado, todo o processo de seleção e ingresso dos candidatos em concursos precisa ser pensado para que seja realizado de forma justa. “Moramos em uma região de grande intensidade solar e em virtude disto, precisamos estabelecer regras para a aplicação dos testes físicos. São recorrentes os casos em que pessoas passam mal e, em alguns casos, chegam a falecer durante as provas. É nosso dever buscar meios que garantam a integridade dos candidatos”, afirma Geo.

 

Casos recentes

A proposta apresentada por Geo, expõe alguns exemplos de casos que levaram candidatos à morte. Recentemente, no estado de Minas Gerais, na cidade de Juiz de Fora, houve o caso do jovem que faleceu após passar mal em teste físico no concurso da PM, depois de uma parada cardiorrespiratória no momento da prova. Outro caso, foi de uma jovem de 25 anos que também veio a falecer após realizar o Teste de Aptidão Física (TAF) da PM no estado do Mato Grosso.

Por Isadora Fontes

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

WhatsApp Image 2024-06-21 at 17.25.31
doe-sangue-salve-vidas-696x457
WhatsApp Image 2024-06-21 at 22.35.20
ba92e667-1bff-4238-b3e6-567f74f9dc2d
card_luzimangues_e_portoreal

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?