Em Chapada da Natividade homem é condenado a 19 anos de prisão por matar irmão por desentendimento familiar ocorrido há 17 anos

O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri de Natividade acatou as teses do Ministério Público do Tocantins (MPTO) e condenou Alexandre José Rodrigues Filho a 19 anos de prisão, inicialmente em regime fechado, pelo homicídio triplamente qualificado de seu próprio irmão, Edivaldo José Rodrigues.

O crime ocorreu na noite de 22 de fevereiro de 2023, na cidade de Chapada de Natividade. A vítima foi atacada enquanto dormia em uma rede, quando seu irmão se aproximou e desferiu contra ele cinco golpes de facão, resultando em sua morte. O réu tentou fugir, mas foi preso em flagrante.

Segundo a denúncia do Ministério Público do Tocantins, o homicídio teria sido motivado por um desentendimento ocorrido há aproximadamente 17 anos, quando o réu tinha apenas dez anos e a vítima teria lhe dado um soco na boca.

A sessão do Tribunal do Júri foi realizada em 21 de maio, no Fórum de Natividade. A promotora de Justiça  Renata Rampanelli representou o Ministério Público e defendeu as qualificadoras de motivo torpe, emprego de meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

WebBanner---Campanha-Vacina-(300x250px)
doe-sangue-salve-vidas-696x457
ba92e667-1bff-4238-b3e6-567f74f9dc2d
WhatsApp Image 2024-05-09 at 10.38.34

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?