Desconto de até 65%: Tarifa Social ajuda famílias a manter conta de luz em dia

Mais de 112 mil famílias tocantinenses têm direito a descontos na conta de luz, mas ainda não desfrutam do benefício disponível pelo programa Tarifa Social de Energia Elétrica, do governo federal. Para alcançar o maior número de famílias possível, a Energisa reforça a importância de manter o CadÚnico – Cadastro Único para Programas Sociais atualizado junto ao CRAS – Centro de Referência de Assistência Social do seu município.  

Podem usufruir do benefício as famílias que possuem renda mensal igual ou inferior a meio salário-mínimo por pessoa, famílias com membros que possuem doenças que requerem o uso contínuo de aparelhos elétricos para tratamento, desde que a renda mensal seja de até três salários-mínimos. O benefício também se estende às famílias indígenas, quilombolas e aquelas que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).   

“É muito importante que as famílias que têm direito ao benefício mantenham o Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal atualizado, pois, com o cadastro ativo e atualizado, o acesso ao benefício é automático”, informa a coordenadora comercial da Energisa, Andréa Albernaz. “Porém, caso seja necessário, o cliente pode entrar em contato por um dos canais digitais para informar a atualização”, complementa a coordenadora. 

 Os descontos são proporcionais ao consumo de energia elétrica do imóvel e quanto menor o consumo, maior será o desconto. 

 – Para o consumo de até 30 kWh mensais, o desconto é de 65%. De 31 kWh a 100 kWh, 40%; de 101 kWh a 220 kWh, 10%. A partir de 221 kWh o cliente não recebe o desconto. 

– Para os clientes quilombolas e indígenas, o cálculo é diferente: até 50 kWh mensais, o desconto é de 100%. De 51 kWh a 100 kWh, 40%; de 101 kWh a 220 kWh, 10% e a partir de 221 kWh, não há desconto. 

– Cada família terá direito ao benefício da tarifa social em apenas uma unidade consumidora em todo território nacional.

Canais digitais

Pela Gisa, a atendente virtual da Energisa, o cliente consegue solicitar a inclusão na Tarifa Social sem precisar ir até uma agência. O canal de atendimento é via web pelo endereço www.gisa.energisa.com.br . Além disso, o cliente pode obter informações sobre o Programa Tarifa Social de Energia Elétrica pelo Aplicativo Energisa On (disponível para iOS e Android) ou na agência virtual www.energisa.com.br

Consumo Consciente 

Para as famílias que não se enquadram no benefício, a Energisa orienta que também mantenham uma rotina de consumo consciente de energia elétrica. “Apesar das chuvas que tivemos recentemente, estamos passando pelo período mais quente no estado. Com isso, o consumo de energia tende a aumentar. Então, hábitos de consumo consciente podem ajudar nossos clientes a manterem a conta de luz em dia”, comenta o engenheiro eletricista e analista de Eficiência Energética, Domingos Junior.  

Algumas dicas de bons hábitos de consumo podem ser implementadas pelas famílias: 

  • Ar-condicionado: os filtros devem ser limpos com frequência. Portas e janelas devem estar sempre fechadas quando o ar estiver ligado. Se possível, priorize a temperatura em 23 °C. 
  • Chuveiro: priorize a posição “Verão”, evite banhos demorados.  
  • Ventiladores: devem permanecer ligados apenas quando alguém estiver usando. Deixar o ventilador ligado com antecedência para tentar refrescar um ambiente, não funciona, só serve para desperdiçar energia. 
  • Geladeiras e freezers: devem ficar, preferencialmente, o mais longe possível do fogão, fornos e outras fontes de calor. A borracha de vedação da porta precisa estar em boas condições para o ar frio não escapar. As prateleiras devem ficar sem forros e é necessário evitar o abre e fecha. Avalie se o uso do freezer é realmente necessário neste período.  
  • Iluminação: quanto mais luz natural, melhor. Lâmpadas de LED são as mais econômicas. 
  • Aparelhos em stand-by: é mais econômico desligar aparelhos direto nos botões ou nas tomadas, e não apenas pelo controle remoto. Em geral, luzes indicativas acessas significam desperdício de energia. 
  • Ferro de passar roupa: quanto mais roupa acumulada, melhor. Peças grandes, como lençóis e toalhas, podem ser esticadas por baixo das demais na hora de passar. Tente estender as roupas para secar de forma que não formem dobras. Ao pendurar roupas para secar, utilize cabides isso reduz o tempo para passá-las. Com isso, o trabalho de passar será mais fácil, rápido e econômico. 
WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

webbanner-IPTU2024_PortoNacional_-300-x-300-pix
doe-sangue-salve-vidas-696x457
ba92e667-1bff-4238-b3e6-567f74f9dc2d
Brasao_Prefeitura_PNG

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?