Professor Júnior Geo solicita à PGE parecer jurídico acerca da convocação dos candidatos excedentes do concurso da PMTO

O deputado estadual Professor Júnior Geo (Podemos) apresentou na manhã desta terça-feira, 20, em sessão ordinária, um requerimento solicitando ao Governo do Estado e a Procuradoria Geral do Estado do Tocantins (PGE), parecer jurídico acerca da constitucionalidade e legalidade da convocação dos candidatos excedentes do concurso da Polícia Militar do Tocantins (PMTO), realizado 2021.

No documento apresentado pelo parlamentar, Geo explica que devido ao grande número de homicídios do Estado, a continuidade dos procedimentos do concurso da PMTO, com o chamamento dos candidatos excedentes, visa suprir uma demanda e déficit existente de policiais militares.

Em maio, o deputado esteve reunido com o Procurador-Geral doEstado, Klédson de Moura Lima, em busca de soluções. “Tivemos reunião com o procurador geral e ficou acordado que esse parecer seria fornecido”, afirmou Geo.

Ainda durante a sessão, o presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto), Amélio Cayres (Republicanos), disse ter se reunido com o governador do Estado, Wanderley Barbosa, e que será feito um levantamento para suprir o déficit de policiais militares em virtude de aposentadorias.

Por Isadora Fontes

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

WebBanner---Campanha-Vacina-(300x250px)
doe-sangue-salve-vidas-696x457
ba92e667-1bff-4238-b3e6-567f74f9dc2d
WhatsApp Image 2024-05-09 at 10.38.34

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?