Em Rio Sono, Polícia Civil prende homem investigado por atear fogo à residência da ex-exposa

Um homem de iniciais V.I.F.R, de 29 anos, investigado por atear fogo na residência de sua ex-esposa, no fim do último mês de novembro, em Rio Sono, foi preso na manhã desta segunda-feira, 4, por meio de ação policial deflagrada por pela 79ª Delegacia de Polícia Civil de Lizarda, com apoio de policiais militares da 1ª Companhia de Rio Sono.

 

Conforme explica o delegado Túlio Pereira Mota, o suspeito teria discutido com sua ex-esposa por causa de ciúmes e por não aceitar o fim do relacionamento, sendo  que na madrugada do dia 26 de novembro, o indivíduo, que possui vária passagens pela polícia, inclusive por homicídio e é considerado de altíssima periculosidade, teria incendiado a residência, sendo que o fogo consumiu por completo o imóvel e resultou na destruição de móveis e demais pertences pessoais que estavam dentro da casa.

 

O fogo foi tão intenso que abalou as estruturas do imóvel, utilizado para fins de habitação.  A ação gerou grande comoção na cidade, uma vez que a família da vítima perdeu tudo o que tinha. Em razão dos fatos, a Polícia Civil passou a investigar o crime e identificou o ex-marido como sendo o autor dos fatos.

 

Desse modo, o delegado representou pela prisão do homem, a qual foi deferida e cumprida na manhã de hoje, quando o homem foi capturado nas imediações da cidade de Rio Sono, numa região de mata. Após ser preso ele foi encaminhado até a sede da 1ª Central de Atendimento da Polícia Civil, em Palmas, e após a realização dos procedimentos legais cabíveis, recolhido à Unidade Penal de Palmas, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

 

Para o delegado Túlio Pereira, a ação é de grande relevância, pois além do grave crime que teria praticado, o homem preso também possui várias passagens por crimes diversos e também de natureza grave. “A prisão de hoje demonstra o comprometimento da Polícia Civil do Tocantins com a preservação da ordem pública e o combate sem tréguas a criminalidade, visto que o indivíduo capturado além de ser muito perigoso trazia muita insegurança não somente a sua ex-companheira, como também a toda a população de Rio Sono e Lizarda”, disse.

 

Droga Apreendida

Durante as diligências, os policiais civis e militares encontraram nas imediações, em uma residência desabitada, 318 gramas de cocaína e um caderno com anotações do comércio de drogas. O entorpecente foi apreendido e será submetido a perícia.

Fonte: SSP-TO

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

webbanner-IPTU2024_PortoNacional_-300-x-300-pix
doe-sangue-salve-vidas-696x457
ba92e667-1bff-4238-b3e6-567f74f9dc2d
Brasao_Prefeitura_PNG

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?